SÃO PAULO,
GUIA DE SOBREVIVÊNCIA

Uma cidade onde tudo é grande, mais e maior, o ponto comercial favorito da América Latina e uma calçada representativa de todo um Estado

PUBLICADO A 3 DE FEVEREIRO DE 2020 | ESTADIA DE FEVEREIRO A SETEMBRO DE 2017

Foram seis meses muito intensos em São Paulo, com muito para explorar e várias histórias para contar. Foi certamente o período mais produtivo da minha vida com um equilíbrio perfeito entre conhecer esta cidade, viajar pelo Brasil e o trabalho. Tudo isto tornou esta minha experiência muito mais enriquecedora, não só na parte profissional mas acima de tudo pelo lado cultural e social.

São Paulo é a cidade onde tudo é grande, mais e maior! É a maior cidade do Brasil, da América do Sul e do hemisfério Sul e uma das cidades mais cosmopolitas do planeta. É a capital financeira do país e de todo o continente. Tem o maior parque da América Latina, a maior rua comercial do Brasil e o maior custo de vida do país. É uma cidade que tem tudo e é sempre uma referência máxima tanto no seu país como na América do Sul e no mundo.

Parece ser uma cidade perfeita mas é um lugar de muitos contraste onde os parques verdes, o tratamento exemplar dado aos animais, as boas práticas culturais e a vida nocturna muito variada contrapõe-se com a poluição das ruas, a confusão do metro e das estradas, os perigos em zonas menos próprias da cidade e a sensação de que o são paulino é arrogante porque está sempre com pressa (e por isso só dá um beijinho).

Em relação às partes menos boas sempre foram uma preocupação mas depois pensei: “qual é a grande metrópole que não tem os seus problemas?” De facto ajuda muito se formos para algum lugar com um pensamento mais positivo (mas sempre atento, é certo). Foi meio caminho andado para ter umas das melhores experiências da minha vida numa das cidades onde me senti mais confortável neste país.

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

Como sobreviver à cidade?

Para se perceber a dimensão enorme de São Paulo, posso dizer que todos os cidadãos portugueses poderiam lá morar e ainda sobrava algum espaço… No horizonte o ponto mais longínquo ainda faz parte da cidade e não é possível chegar a todo o lado. É uma cidade com mais de 12 milhões de habitantes e no total são 21 milhões na região metropolitana. Todas as “pequenas” distâncias são muito longas para um português numa escala pode ser muito confusa numa fase inicial… Por isso mesmo, há que ter algumas noções básicas da cidade.

Os melhores mirantes (miradouros)

É a cidade com os edifícios mais altos do Brasil e não é por acaso que é conhecida como a “selva de pedra”. São inúmeros os prédios altos que encontramos por São Paulo onde se destacam o Mirante do Vale no Palácio W. Zarzur com 170 metros de altura e o Edíficio Itália com 165 metros, sendo este último o mais convidativo aos turistas. Estes são também os edifícios mais altos do país!

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

A terra da garoa

Garoa é o termo usado para a chuva miudinha no Brasil e em São Paulo este fenómeno acontece com alguma regularidade, principalmente na Primavera e Outono. O clima é muito instável e por isso é comum se num dia conseguirmos viver as quatros estações do ano. O mesmo acontece que de um dia para o outro as temperaturas variam 10º/15º e voltam ao que eram dois dias depois com bastante naturalidade.

Viver a diversidade

São Paulo possui uma grande diversidade em todos os níveis e também por isto é um dos destinos LGBT mais reconhecidos do mundo. Aqui tem uma das maiores Paradas de Orgulho LGBT, tem estabelecimentos comerciais com esta temática (como bares, restaurantes e discotecas) e é normal andar pelas ruas e ver pessoas do mesmo sexo a namorar ou a andar de mão dada de uma forma muito natural, sem receberem olhares ameaçadores ou qualquer outro tipo de julgamento.

Capital Pet Friendly

Não há lugar no mundo que trate tão bem dos animais como o são paulino! Os cães andam nas ruas com aspecto limpo, escovados ou até com alguns acessórios mais extravagantes e a certa altura da minha estadia cheguei mesmo a perguntar a um senhor se era uma regra da cidade ou se eles tratam mesmo bem dos animais por prazer… A segunda opção é a resposta certa!

Uma adoração por shoppings

Por ser o principal centro comercial do país, há um número gritante de shoppings que chega a passar os 200 estabelecimentos em São Paulo. Também existem muitas ruas de comércio temático. A Rua Oscar Freire é a melhor opção para quem estiver à procura de artigos mais interessantes/encantadores/caros. Por outro lado, se o objectivo for adquirir algo mais em conta, podemos ir à Rua 25 de Março que é a maior avenida comercial a céu aberto da América Latina que se encontra no centro da cidade.

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

Os melhores acessos do Brasil

O terminal de autocarros Tietê é um dos mais completos do Brasil e tem destinos para quase todo o lado! As distâncias de uma cidade para outra são muito grandes e por isso há autocarros muito confortáveis que permitem fazer todo o percurso da melhor forma possível. Para além disso, o acesso para o terminal pode ser feito facilmente de metro. Este meio de transporte não é muito usual no Brasil mas em cidades como São Paulo ou Rio de Janeiro são bastante concorridos

O UberCopter

Ainda por falar em transportes, não estranhem se virem constantemente helicópteros a andar pela cidade. Como o trânsito em São Paulo é horrível, há uma opção da Uber para helicópteros (o UberCopter) para fazer os seus clientes chegar mais rápido ao destino (mas este tipo de aplicações não é para quem quer, é para quem pode…).

Rodízio de veículos

Não pensem que é como um rodízio de carnes… Este rodízio diz respeito a uma regra implementada desde 1996 na cidade para melhorar as condições da atmosfera através da redução de emissão da carga poluente provocada pelos veículos. Aplica-se na zona central da cidade (que mesmo assim é uma área gigante) e apenas se verifica durante as horas de ponta, de manhã cedo e ao fim da tarde. As regras que dizem os dias da semana em que os veículos não podem circular, cingem-se ao último dígito da placa da matrícula sendo que para cada carro a limitação acontece apenas uma vez por semana.

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

São Paulo na calçada

Ao olhar para o chão da calçada, podemos observar uma repetição interminável da mesma forma. É a calçada de São Paulo que tem uma imagem fora do comum. Isto até é simples… A imagem é a representação simplificada da forma do estado. Esta representação ganhou um concurso aberto com o objectivo de escolher uma pavimentação tipo para São Paulo. O impacto foi brutal e desde então esta imagem tornou-se um ícone da cidade com a sua produção a ser utilizada para marcas e lojas que pretendem identificar a capital Paulista.

Já tem um dos melhores Carnavais do Brasil

O Carnaval em São Paulo sempre existiu desde sempre como em todo o lado no Brasil mas só nos últimos anos é que tem tido uma prestação tão impactante ao nível de cidades como o Rio de Janeiro e Salvador. O Carnaval decorre durante o mês antes e o mês depois da data definida e em São Paulo o sábado e domingo são dias de festas com muitos blocos, festas de rua, cerveja e caipirinha. Por um lado há quem já não precise de ir até ao Rio para viver esta festa e para os haters desta época festiva é um momento de descanso em outros lugares do Brasil fora das grandes metrópoles.

Onde tem feira?

Ao longo da cidade são muitas as bancas de produtos alimentares que encontramos todos os dias nas feiras. A segunda-feira é o dia de descanso mas de terça-feira a domingo são muitos as ruas que fecham ao trânsito para as típicas feiras onde eu fazia as minhas compras para a semana. É um experiência incrível! Dá para absorvermos a simpatia do povo brasileiro, para regatear antes da feira acabar, para provar as frutas que queremos levar (e há tantas coisas boas que nós portugueses nem sabemos..) e se for um cliente assíduo recebo sempre algo extra ou um desconto nas minhas compras.

A melhor comida do Brasil

Sem contar com o arroz e feijão, cada região tem as suas especialidades como o Acarajé na Bahia, as ostras em Florianópolis ou os caldinhos de sururu em Maceió. Apesar de São Paulo não ter uma comida típica, é o lugar do Brasil onde melhor se come pela grande variedade que resulta da multiculturalidade que atingiu a cidade. A muito se deve a grande influência europeia, americana e japonesa que permitiram abrir estabelecimentos de todo o tipo onde se destaca os restaurantes japoneses, alguns com o melhor sushi que se pode comer fora do Japão. São Paulo é ainda conhecida pelas praças de food trucks e feiras gastronómicas que dão outro sabor à cidade.

O berço cultural de uma nação

Falar de São Paulo sem falar de arte é como ir à Mealhada e não comer um leitão! Toda a cidade é um centro cultural a céu aberto com opções muito diversas que incluem centenas de museus, salas de cinema, bibliotecas, centros culturais e teatros. O expoente máximo deste movimento cultural decorre de dois em dois anos na Bienal de São Paulo no Pavilhão Ciccillo Matarazzo do Parque Ibirapuera. Felizmente estive lá em ano de bienal e foi fantástico!

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

A cidade que não dorme

Não, não há só uma cidade que nunca dorme! São Paulo anda sempre a um ritmo frenético e à noite não é excepção. Há muitos mercados que estão abertos durante 24 horas e são muitos os bares e discotecas ao longo da cidade com música que vai desde o sertanejo ao pop ou ao rock. A Vila Madalena é o espaço de eleição e funciona como o “Bairro de Alto de São Paulo”. A parte má da vida nocturna é que começa muito mais cedo (por razões de segurança) sendo que é normal uma discoteca já estar cheia a partir das 23h.

Nunca terás descanso…

Mas no bom sentido da palavra! São Paulo é uma cidade com uma energia imensa onde há sempre algo para fazer. Quer seja numa ida a um parque, um churrasco entre amigos, um evento cultural, uma manifestação para ir ou uma festa de domingo à tarde até à meia-noite. É impossível ficar parado e faltar a qualquer acontecimento que a cidade possa proporcionar.

São Paulo, guia de sobrevivência_Num Postal

GOSTASTE DESTE ARTIGO? PARTILHA NAS REDES SOCIAIS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

PLANEIA A TUA VIAGEM

Aqui encontras as ferramentas necessárias para ti e ainda podes ajudar-me ao usar estes links 🙂

Para encontrares os melhores voos uso sempre o Skyscanner ou o Momondo.

Reserva já a tua estadia no Hostelworld mas se quiseres mais algum conforto podes ver outras opções no Booking.

Contrata o teu seguro de viagem. Ao optares pela IATI Seguros viajas mais descansado e ainda tens 5% de desconto se usares este link.

Queres viajar e não sabes para onde? Com a Chocolate Box podes arriscar ir num destino que só conheces 48 horas antes do dia da viagem e com o meu código NUMPOSTAL10 tens 10% de desconto!

Autor do projecto Num Postal, arquitecto de profissão, fotógrafo nas horas vagas e apaixonado por viagens. Criei o blog para que não me escape nada das minhas aventuras pelo mundo, para partilhar com os outros e para eu reviver cada uma destas experiências! Depois de viver uma temporada no Brasil, percebi que há todo um universo lá fora para descobrir e desde então nunca mais parei de ir à procura de lugares desconhecidos.

FAZ PARTE DESTE PROJECTO

Deixa um comentário e partilha as tuas dicas

POSTS RELACIONADOS

Estes são alguns dos artigos que também poderás gostar de ler